A cadeira de balanço

A cineasta Fernanda Fontes Vareille participa esse ano da programação do XII Panorama Internacional Coisa de Cinema, um dos principais eventos cinematográficos do estado da Bahia e também do país, que será realizado entre 09 e 16 de novembro de 2016 em Salvador. A diretora de A loucura entre nós competirá com o curta A cadeira de balanço, uma obra de ficção sobre um casal que vê a dinâmica de sua vida mudar a partir do momento em que um objeto estranho é instalado na sala de estar.

a-cadeira-de-balanco_2

A cadeira de balanço será exibido nos dias 10/11 (quinta-feira, às 16h50), no Itaú Glauber Rocha, e 11/11 (sexta-feira, às 19h), na Sala Walter da Silveira, dentro da mostra competitiva de curtas baianos. O Panorama promoverá ainda mostras competitivas de longas, exibições variadas, oficinas, shows e debates para festejar a arte cinematográfica em diversas frentes. É realmente um programa imperdível para quem gosta de cinema!

O primeiro Panorama Internacional Coisa de Cinema aconteceu em 2002, em Salvador. De lá pra cá, muita coisa mudou; a produção cinematográfica baiana cresceu muito e, em 2016, o festival comemora dois longas locais na competição nacional, além de oito longas e dezesseis curtas na competição Bahia. O documentário A loucura entre nós teve sua estreia em Salvador no dia 31 de outubro de 2015, exatamente na Competitiva Baiana do XI Panorama Internacional Coisa de Cinema!

Para ficar por dentro da programação do festival, entre aqui! Para colocar na agenda os dias e horários da nova obra de Fernanda Fontes Vareille, é só anotar:

A Cadeira de Balanço / de Fernanda Fontes Vareille
BA/França, 14′, Cor, Digital, 2016
Sinopse:

10/11
Quinta-feira – 16h50 / Itaú Glauber Rocha / Sala 1

11/11
Sexta-feira – 19h / Sala Walter da Silveira

Porto Alegre – De 27/10 a 02/11

jornal_do_comercio

A loucura entre nós continua em cartaz em Porto Alegre, garantindo ao filme de Fernanda Fontes Vareille a excelente marca de 13 semanas ininterruptas de temporada em algum cinema brasileiro! Enquanto não chega a outras cidades (já adiantamos aqui a estreia em Santos para o início de dezembro), vale conferir os horários do filme na capital gaúcha:

PORTO ALEGRE:
Cinebancários| Todos os dias, às 15h e às 19h Link para a página do Cinebancários

Lembrando: a pré-venda do DVD do filme A loucura entre nós já pode ser feita em diversas lojas no Brasil! Para encomendar, é só entrar em uma delas.

Salvador e Porto Alegre

semana_12

Estamos entrando na 12ª semana em cartaz, completando 12 cidades e três meses de temporada ininterrupta do filme A loucura entre nós no Brasil!  E temos muito que comemorar: o documentário permanece em cartaz em Salvador e finalmente chega a Porto Alegre, além de já existir previsão para estrear em Santos em muito breve…!

Outro motivo para comemorar é a pré-venda do DVD do filme em diversas lojas no Brasil! Para encomendar, é só entrar no site de uma delas.

Então, para quem estiver em Salvador e Porto Alegre entre 20 e 26 de outubro, A loucura entre nós estará em cartaz nas seguintes salas e horários:

SALVADOR:
Saladearte Cinema da UfBA | Todos os dias, às 12h00 (não haverá sessão no sábado e no domingo| Ingressos: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia) Link para o cinema

PORTO ALEGRE:
Cinebancários| Todos os dias, às 15h e às 19h Link para a página do Cinebancários

A capital gaúcha é a 12ª cidade a receber A loucura entre nós em seus cinemas, ao lado de Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Niterói, Aracaju, Belo Horizonte, Maceió, Vitória, Volta Redonda, Florianópolis e Ribeirão Preto. Isso sem falar em exibições em eventos e festivais (como o que aconteceu em Paris no início de outubro).

Então, para quem ainda não viu, fica aqui o convite para ir já ao cinema assistir A loucura entre nós; para quem já viu, essa é a hora de indicar o filme aos amigos, divulgar nossa programação nas redes sociais e garantir que a subjetividade de cada vida registrada na obra ganhe ainda mais espaço para reverberar.

Salvador – Paris

Estamos chegando à 11ª semana em cartaz e A loucura entre nós permanece com exibição em Salvador, cidade onde o filme foi produzido! Só que agora volta a ocupar duas salas: uma no bairro do Itaigara e outro no Vale do Canela. Outro destaque dessa semana é a exibição do documentário em Paris, na programação  Brésil en Mouvements, festival de cinema documental sobre o Brasil.

O Brésil em Mouvements se define como uma janela para se entender a sociedade brasileira de ontem e de hoje, mas também para construir pontes entre os dois países (Brasil e França), através de filmes que reflitam sobre importantes questões sociais contemporâneas. A diretora Fernanda Fontes Vareille deu uma entrevista para o site do festival, que pode ser lida aqui!

E atenção: para a semana que vem já está tudo certo para a chegada do filme em Porto Alegre!

Entre 13 e 19 de outubro, A loucura entre nós estará em cartaz nas seguintes salas e horários:

SALVADOR:
Saladearte Cinema da UfBA | Às 12h25 (não haverá sessão no sábado e no domingo| Link para o cinema
Saladearte Cine Paseo | Sala 2, às 12:40 (Exceto sábado) Link para o cinema

PARIS: Brésil em Mouvements | Dia 16 de outubro, às 20h | 34 Rue Daubenton, 750005

francis-azevedo-festival-bem-15_16_17-14-1

DVD do filme A loucura entre nós

a-loucura-entre-nos_dvd

Enquanto A loucura entre nós continua fazendo uma bela carreira nos cinemas (já são mais de dois meses em cartaz), uma ótima notícia chega para acalmar aqueles que ainda não conseguiram ver o filme, em cidades cujo circuito comercial das salas cinema não incluirá o documentário de Fernanda Fontes Vareille nas suas programações: O DVD de A Loucura entre nós está chegando ao mercado, com lançamento previsto para o dia 16 de novembro de 2016!

Numa parceria com a Obra Primas do Cinema, empresa responsável pelo lançamento em DVD de filmes clássicos e de obras com temáticas especiais, o DVD de A loucura entre nós já está em pré-venda em vários lugares pelo preço de R$ 39,90: encomendas podem ser feitas, por exemplo, no site da Livraria Cultura, na Livraria da Folha, na Saraiva, na 2001 Vídeo e na Colecione Clássicos!

Além do filme, o DVD trará conteúdo exclusivo, que inclui uma entrevista com Fernanda Fontes Vareille (3 minutos) e outra com Dr. Marcelo Veras (10 minutos), autor do livro homônimo que inspirou o filme. Trará ainda duas grandes surpresas: um capítulo chamado “Um pouco mais de Lenor” (6 minutos), com cenas cortadas da edição final com depoimentos de Leonor, e o Curta-metragem “Deixe-me Viver” (Let me live, de 26 minutos).

Let me live (Deixe-me viver) foi dirigido por Fernanda Fontes Vareille em 2009 e  recebeu, em 2010, o prêmio do júri de Melhor Documentário no Festival de Cinema da Anistia Internacional em Paris. Let me live também foi indicado, em 2010, para os festivais Droits de L’homme, em suas duas edições realizadas em Paris e em Genebra. Gravado em território palestino, o filme retrata a resistência pacífica de jovens artistas e voluntários internacionais à presença militar de Israel na Cisjordânia.

Dia Mundial da Saúde Mental

corredor

O Dia Mundial da Saúde Mental é lembrado em todo o mundo no dia 10 de outubro, quando organizações ligadas à saúde mental e aos diretos humanos se unem para dar visibilidade a questões relevantes ao setor. Em 2016, o tema proposto pela Federação Mundial de Saúde Mental (World Federation for Mental Health) para ser divulgado é “Primeiros Cuidados Psicológicos” (Psychological First Aid), como forma de abrir a discussão para o apoio básico – e pragmático – que pessoas em um papel de auxílio podem dar a quem se encontra em sofrimento mental.

Apesar do nome, que em português também poderia ser traduzido por “primeiros socorros psicológicos”, a questão abrange tanto apoio psicológico quanto social. Na verdade, o investimento em primeiros socorros psicológicos é parte de um esforço de longo prazo para garantir que qualquer pessoa em sofrimento agudo devido a uma crise seja capaz de receber suporte básico, e que aqueles que precisam mais do que os primeiros socorros psicológicos receba suporte avançado adicional de saúde, saúde mental e serviços sociais.

Entre as diversas ações programadas pela Federação Mundial de Saúde Mental esse ano, foi criado um guia para trabalhadores de campo, principalmente para ser acessado por pessoas (profissionais de saúde, professores, bombeiros, agentes comunitários ou policiais) que estão em contato com aqueles que passaram por algum tipo de evento causador de estresse crítico, como desastres naturais, guerras ou acidentes. A ideia é levar ao conhecimento público (e não apenas às instituições prestadoras de cuidados e serviços de saúde mental públicos, privados e do setor social) o trabalho realizado em torno de múltiplos eixos estratégicos que envolvem questões da saúde mental.

O guia é disponibilizado em diversas línguas e possui uma edição em português produzida pela Organização Pan-Americana da Saúde. As orientações contidas nele incluem dicas de como abordar uma pessoa em sofrimento mental. Entre as mensagens transmitidas, estão:

*Seja sempre honesto e confiável com quem você aborda;
*Comporte-se adequadamente de acordo com a cultura, idade e gênero da pessoa abordada;
*Tenha consciência de que é direito de cada pessoa tomar as suas próprias decisões;
*Deixe claro para as pessoas que, mesmo se elas recusarem ajuda agora, poderão ainda acessar a ajuda no futuro;
*Não pressione para que alguém em sofrimento conte a sua história ou interrompa quando ela o faz;
*Não faça falsas promessas ou dê falsas garantias;
*Não tire da pessoa a força ou o sentimento de que ela é capaz de cuidar de si mesma.

Entre inúmeros avanços e alguns retrocessos, as questões referentes à saúde mental estão longe de alcançar o patamar ideal de investimentos e de representatividade na maioria das sociedades, apesar do esforço de profissionais brilhantes que não se deixam abater diante das dificuldades e tabus envolvendo o tema.

Aqui no blog do filme A loucura entre nós, muitos desses profissionais contribuíram na criação de um rico material de pesquisa, através de depoimentos que refletem sua vasta experiência na área. Então, neste dia 10 de outubro, sugerimos um mergulho em todo esse conteúdo exclusivo, criado para qualquer pessoa interessada em ampliar o diálogo sobre a loucura a partir das questões exploradas no filme, relacionando-as com o universo da Psicanálise. Boa pesquisa!

 

Décima semana em cartaz!

semana10

São dez semanas em cartaz e A Loucura entre nós continua fazendo história em São Paulo e Salvador (em horários diferentes)! Permanece nessas cidades porque continua despertando o interesse do público, que demonstra o desejo em ouvir as vozes daqueles que, muitas vezes, não têm espaço para expressar suas subjetividades. Diante da câmera do documentário dirigido por Fernanda Fontes Vareille, eles têm muito a dizer e despem-se completamente para o olhar do público, revelando muitas coisas que, ainda hoje, permanecem como tabu quando se fala de questões envolvendo o sofrimento mental.

Outra novidade para essa semana é a sessão única, seguida de debate com o psicanalista Marcelo Veras, no Rio de Janeiro. A iniciativa é uma promoção da Escola Brasileira de Psicanálise e contará ainda com a coordenação da Dra. Mirta Zbrun e da participação das psicanalistas Ana Lucia Lutterbach Holck e Lêda Guimarães. A sessão especial tem entrada franca e vai acontecer no dia 11 de outubro, às 19h. Imperdível!

Entre 06 e 12 de outubro, A loucura entre nós estará em cartaz nas seguintes salas e horários:

SÃO PAULO:
Cine Segall | Todos os dias, às 19h (não haverá sessão na terça-feira, dia 11/10) | Ingressos: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia) Link para o cinema

SALVADOR:
Saladearte Cinema da UfBA | Todos os dias, às 12h25 (não haverá sessão no sábado e no domingo, dias 08 e 09/10 | Ingressos: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia) Link para o cinema

RIO DE JANEIRO:
Maison de France – Espaço Cultural da França | Sessão única no dia 11/10, às 19h (sessão seguida de debate com o Dr. Marcelo Veras) | Entrada franca Link

Se você está em outra cidade e deseja que A loucura entre nós chegue mais rápido na programação do cinema que você frequenta, escreva para ele e mostre o interesse em ver o filme no circuito comercial. Assim, o programador saberá do interesse do público em assistir à obra e poderá acelerar a sua inclusão na programação de sua cidade!

São Paulo e Salvador!

semana_9

A nona semana consecutiva em cartaz do filme A loucura entre nós traz a grande surpresa da volta para São Paulo, onde o filme já cumpriu uma temporada de sucesso em dois cinemas da cidade! Dessa vez, ficará em cartaz no charmosíssimo Cine Segall, localizado dentro do Museu Lasar Segall.

Idealizado por Jenny Klabin Segall – viúva de Lasar Segall – o Museu Lasar Segall está instalado na antiga residência e ateliê do artista, projetados em 1932, por seu concunhado, o arquiteto de origem russa Gregori Warchavchik. Além de seu acervo museológico, o Museu oferece programas de visitas monitoradas, cursos nas áreas de gravura, fotografia e criação literária, projeção de cinema, e ainda abriga uma ampla biblioteca especializada em artes do espetáculo e fotografia. Assistir às sessões de A loucura entre nós, portanto, vira uma experiência que inclui a possibilidade de conhecer esse verdadeiro centro de atividades culturais localizado na Vila Mariana, em São Paulo!

Outra grande vitória é a permanência do filme em cartaz em Salvador, cidade onde o documentário foi produzido – e onde está em cartaz desde o seu lançamento, em agosto desse ano!

Para quem mora em outros lugares, um aviso: nossa produção já está fechando datas para novas exibições, mas essas dependem sempre das agendas das distribuidoras de cada cidade. Então, se você deseja que A loucura entre nós chegue mais rápido na programação do cinema que você frequenta, escreva para ele e mostre o interesse em ver o filme no circuito comercial. Assim o programador saberá do interesse do público em assistir à obra e poderá acelerar a sua inclusão na programação de sua cidade!

Entre 29 de setembro e 05 de outubro, A loucura entre nós estará em cartaz nas seguintes salas e horários:

SÃO PAULO: Cine Segall | Todos os dias, às 16h45 (não haverá sessão na terça-feira, dia 04/10) | Ingressos: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia) Link para o cinema

SALVADOR: Saladearte Cinema da UFBA | Todos os dias, às 13h (não haverá sessão no sábado e no domingo) | Link para o cinema

a_loucura_entre_nos2

Debate em Maceió

Maceió ganha nessa terça-feira (27 de setembro), uma sessão seguida de debate do filme A loucura entre nós, que está em sua segunda semana de sucesso na capital alagoana. Esse evento será no Centro Cultural Arte Pajuçara, às 15h – sendo que o debate começará às 16h30, logo após o final da exibição. Os valores dos ingressos são R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia).

Os convidados/debatedores são importantes nomes ligados à Psicanálise alagoana: Susane Zanotti (Doutora em Psicologia da UFRJ) e Professora IP/UFAL), Rodrigo Gewehr (Doutor em Psicopatologia e Psicanálise pela Université Paris VII e Professor IP/UFAL) e Cleyton de Andrade (Doutor em Estudos Psicanalíticos pela UFMG e Professor IP/UFAL). Juntos com o público, conversarão sobre as subjetividades contidas no universo abordado pelo filme de Fernanda Fontes Vareille, que vem despertando interesse e gerado debates na comunidade Psi de todo o Brasil. Para estudantes e profissionais da área, essa será uma rica oportunidade de aprofundar sobre o tema e ampliar suas reflexões acerca da obra.

A loucura entre nós é um documentário que faz um recorte extremamente poético sobre a vida de duas mulheres com passagem pelo hospital psiquiátrico Juliano Moreira, em Salvador, cujos depoimentos, histórias e relações, retratados sem filtros ou julgamentos, propõem reflexões sobre os caminhos, ganhos e perdas que cada um de nós vive na busca por uma possível “normalidade”.

debate_maceio

Dois meses em cartaz!

semana_8

A loucura entre nós atinge oito semanas de exibição! São praticamente dois meses em cartaz com um desafio: Fazer cada um de nós ouvir – e falar – de igual para igual, e não de cima pra baixo, sobre diversas questões acerca do sofrimento mental.

Salvador e Maceió continuam atraindo um belíssimo público para os cinemas e permanecem com a possibilidade de viver a experiência oferecida pelo documentário de Fernanda Fontes Vareille (em dias e horários diferentes). A novidade é a sessão única em Ribeirão Preto, com direito a debate após o filme.

Se estamos sempre jogando pro outro o que não conseguimos suportar em nós mesmos, A loucura entre nós funciona como um gatilho que dispara diversas reflexões sobre a saúde mental – a nossa, a vossa, a de todos. O filme reflete sobre as fronteiras do que é considerado “normal” ao dar voz a pessoas que lutam para resgatar suas conexões sociais após experiências no hospital psiquiátrico. Nesse processo, exclui qualquer possibilidade de filtrar ou julgar (em nome de uma possível arrogância do saber) o que é dito pelas “personagens” para revelar suas subjetividades.

“Um filme abissal! Sem placas de sinalização”. – Dra. Fernanda Otoni – Psicanalista da Escola Brasileira de Psicanálise e coordenadora do programa PAI-PJ em Minas Geras.

“Perturbador, raro e essencial”. – Marcus André Vieira – Doutor em psicanálise e Mestre em Diplôme D’études Approfondies en Psychanalyse. Psicanalista da Escola Brasileira de Psicanálise, professor da PUC-Rio.

Crítica da Folha de São Paulo, aqui / Entrevista do Programa Metrópolis, aqui

Confira as cidades onde o A loucura entre nós está em cartaz entre 22 e 28 de setembro, escolhendo as salas e horários que melhor se adequam à sua agenda:

MACEIÓ:
Cine Arte Pajuçara | Todos os dias, às 15h (não haverá sessão no dia 19/09) Link para o cinema

SALVADOR:
Saladearte Cinema do Museu | Qui, Sáb e Dom, às 13h20 Link para o cinema

RIBEIRÃO PRETO
Dia 23/9, às 19h30 | Dia 23/9, às 19h30, dentro do projeto Cine Cult- Projeções e Reflexões, com entrada gratuita |Após a sessão terá um debate com o psicanalista Marcelo Veras e coordenação do psicanalista Eduardo Benedicto, ambos membros da Escola Brasileira de Psicanálise e Associação Mundial de Psicanálise | No FEA-RP, que fica no campus USP em Ribeirão Preto, Avenida Bandeirantes, 3900.

a_loucura_entre_nos_fotoa_gabriel_teixeira

Vamos ao cinema? Somente a presença do público pode garantir a permanência do filme no circuito comercial de sua cidade!