Estreia em Paris!

DSC_3137___-_18_Festival_de_Cinema_Brasileiro_Paris_-_Abril_20

Foi intensa a participação do filme A loucura entre nós na 18ª. edição do Festival du Cinéma Brésilien de Paris, no último dia 07 de abril. Com a sala do cinema L´Arlequin  praticamente lotada por um público misto de brasileiros e franceses, a exibição do documentário de Fernanda Fontes Vareille deu munição para um debate pós-filme extremamente participativo!

A diretora estava acompanhada do psiquiatra Marcelo Veras, autor do livro homônimo no qual o filme se inspirou. A dupla foi questionada intensivamente por parte do público, interessado em discutir desde temas relacionados ao conceito de “louco” até os caminhos que a equipe do documentário teve que trilhar para conseguir produzir uma obra tão tocante sobre um assunto não menos intenso. O resultado foi uma conversa rica e dinâmica, que só não se estendeu ainda mais porque o cinema tinha horário para fechar…!

DSC_3171_____Fernanda_Vareille__e_Marcelo_Veras__-_18_Festival

Fernana Fontes Vareille e Dr. Marcelo Veras respondem ao público. Foto do Festival du Cinéma Brésilien de Paris.

O Jornal do Brasil, que tinha um representante seu durante o debate, chegou a publicar: “A resposta do público a esse que foi o primeiro longa-metragem de Fernanda foi muito positiva, muitas pessoas presentes na plateia contaram inclusive suas próprias experiências em hospitais psiquiátricos na França ou no Brasil”. (Leia a matéria na íntegra aqui)

DSC_3145__Amanda_Gracioli_e__Fernanda_Vareille____-_18Festiva

A produtora Amanda Graciolli também esteve presente no lançamento em Paris. Fotos do Festival du Cinéma Brésilien de Paris.

A obra já foi exibida em Festivais no Brasil e no exterior, como o 4o. Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba, o Pirenópolis.Doc (onde ganhou Prêmio de melhor longa-metragem da Mostra Competitiva Nacional – júri popular), o INDIE Festival, em Belo Horizonte, o Festival Cachoeira Doc, o VLAFF – Vancouver Latin American Film Festival, no Canadá e o XI Panorama Internacional Coisa de Cinema, em Salvador. Em 2015, ganhou também uma exibição fechada no Ateliers Varan, prestigiada escola de cinema francesa que reúne alunos e estudiosos de várias partes do mundo envolvidos na formação e pesquisa do cinema documental. Sua temporada no circuito comercial brasileiro está sendo agendada para o segundo semestre de 2016.

Garanta seu ingresso já!

12191474_797819610339865_6775146318420487948_n

Por causa do sucesso mesmo antes da exibição de A loucura entre nós no XI Panorama Internacional Coisa de Cinema, que fez acabar rapidamente os ingressos para as duas salas disponibilizadas ao filme no festival, a produção do Panorama acaba de abrir outra sala (a terceira!) para a nossa sessão do dia 31 de outubro de 2015 (próximo sábado) no Espaço Itaú de Cinema – Glauber Rocha (na Praça Castro Alves, em Salvador).

Então, se você não quiser perder a chance de viver nossa estreia na capital baiana ao lado de nossa equipe, recomendamos garantir já o seu ingresso na bilheteria do Espaço Itaú de Cinema. A inteira é R$ 10,00 e a meia é R$ 5,00. Existe ainda o passaporte econômico, que dá direito a dez filmes do Panorama!

Após a sessão, haverá um debate em uma das salas, com a presença da diretora Fernanda Fontes Vareille, da produtora Amanda Gracioli e do Dr. Marcelo Veras (autor do livro homônimo que inspirou o filme).

A loucura entre nós participa da Competitiva Baiana do XI Panorama Internacional Coisa de Cinema e tem patrocínio da Petrobahia e da Carbocloro (através do artigo 1° A da Lei 8685/93, Lei do Audiovisual).

Olhar sobre a loucura

Quando a gente pensa que a loucura é uma coisa que está muito longe da gente, ou algo que a gente não quer saber muito do que se trata, percebemos o quanto estamos próximos dela, o quanto ela nos atinge de uma maneira muito mais forte do que a gente pensa. Afinal, quem vê a “loucura” de A loucura entre nós? Uma grande parte do filme é passada com uma câmera estanque, mostrando um quadro que deve mostrar algo que está fora desse quadro e que, no fundo, está dentro (de cada um de nós?). É o brincar com o fora e o dentro, e com aquilo que podemos chamar de “a reversibilidade do olhar”. Afinal, o olhar não é só aquilo que a gente olha… Ele também reverte sobre nós.

A loucura entre nós na TVE Paraná

No ‪#‎4olhardecinema‬, a produtora Amanda Gracioli foi ao estúdio da Rádio e Televisão Educativa do Paraná para bater um papo com a apresentadora e cantora Iria Braga sobre ‪#‎aloucuraentrenos‬. Clique em cima da foto e confira a primeira parte da entrevista.

IMG_2388

Para ver a segunda parte, entre aqui. A terceira e última parte da entrevista está aqui!

Entrevista com Amanda Gracioli e Marcelo Veras

Durante a quarta edição do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba, a Unisinos FM, de Porto Alegre, realizou uma ótima cobertura exclusiva, entrevistando diversos diretores, produtores, curadores e demais agentes envolvidos no Festival. E, como não poderia deixar de ser, o repórter Rodrigo de Oliveira registrou essa boa conversa com a produtora Amanda Gracioli e com o médico psiquiatra Marcelo Veras sobre o filme ‪#‎aloucuraentrenos‬, destaque da mostra Outros Olhares. Papo bom e revelador sobre as subjetividades (implícitas e explícitas) do filme de Fernanda Fontes Vareille!

Para ouvir a entrevista na íntegra, entre aqui ou clique na imagem abaixo!

UnisinosFM