Parabéns, Laurent!

galerie-2016-05-pierre-adenot_inna-modja_lauren-perez-del-mar

Laurent Perez del Mar (à direita) recebe prêmio em festival francês.

É com enorme orgulho que festejamos o prêmio recebido pelo músico francês Laurent Perez del Mar na primeira quinzena do mês de novembro, durante a terceira edição do Festival du Cinéma et Musique de Film de la Baule, importante evento que celebra, divulga e premia o casamento entre a música e o cinema. Laurent, autor da trilha original do documentário A loucura ente nós, recebeu o Ibis d’Or de Melhor Música do filme La Tortue Rouge (A tartaruga Vermelha), animação franco-belga-japonesa de Michaël Dudok de Wit.

Laurent Perez Del Mar é membro da César Academy e participa constantemente de várias produções de TV e cinema, na França e em outros países. Quem já viu A loucura entre nós pôde conferir – e sentir – a força delicada que a música do compositor francês traz para o filme. O prêmio representa mais um reconhecimento ao trabalho especial de Laurent. Com seu caráter único no mundo, o Festival du Cinéma et Musique de Film de la Baule acontece na cidade francesa de La Baule e promove o encontro entre as duas artes reunindo público, diretores, compositores e produtores em exibições de filmes, concertos, master classes e workshops criados para gerar emoções musicais que extrapolam as próprias produções cinematográficas.

Para ter acesso no iTunes à trilha criada por Laurent para o filme de Fernanda Fontes Vareille, é só entrar aqui. E para saber mais sobre nossa trilha sonora original, confira uma entrevista data por Laurent em 2015, na época do lançamento mundial de A loucura entre nós.

Trilha disponível no iTunes!

laurent

O compositor francês Laurent Perez Del Mar disponibilizou para vendas no iTunes as músicas criadas por ele para a trilha sonora original do documentário A loucura entre nós, dando a chance para que o público de todo o mundo possa fazer o download de suas composições preferidas.

Quem já viu o filme pôde conferir – e sentir – a força delicada que a música traz para as cenas dirigidas por Fernanda Fontes Vareille. Laurent Perez Del Mar, que foi médico e estagiou em hospitais psiquiátricos, é hoje um nome de destaque na cena de produção musical de TV e cinema na França. Ele admite que ficou com vontade de trabalhar com o filme logo depois de assisti-lo, a convite de Fernanda.

Senti de maneira forte a identidade brasileira, no ambiente, nas cores, na língua; os personagens falam e sou muito sensível ao som das línguas. Tudo me fez sentir o Brasil, por isso, na música, fiquei com vontade de deixar transparecer um pouco as origens latinas. Escrevi com a emoção que senti ao assistir o filme. Foi bem natural.”

Para comprar as músicas da trilha de A loucura entre nós, é só entrar aqui!

Trilha Sonora chegando!

11828594_10153660793155809_7500375719840020397_n

Quem já viu A loucura entre nós pôde conferir – e sentir – a força delicada que a música do compositor francês Laurent Perez Del Mar traz para o filme. A boa notícia é que em breve todos nós poderemos ter acesso a ela, já que Laurent acaba de mixar a trilha sonora original do documentário dirigido por Fernanda Vareille, para ser lançada para o mundo! Importante nome ligado à produção musical de TV e cinema em seu país, Laurent Perez Del Mar é membro da César Academy e, somente em 2015, foi responsável pela trilha de produções francesas como Pourquoi j’ai pas mangé mon père e Antigang. Para ouvir um pouco da trilha de A loucura entre nós na entrevista que fizemos com Laurent, é só entrar aqui!

A música de “A loucura entre nós”

Foi um caso de amor à primeira vista – ou à primeira projeção – entre “A loucura entre nós” e o compositor francês Laurent Perez Del Mar, importante nome ligado à produção musical de TV e cinema em seu país. Após assistir e se emocionar com o documentário, antes mesmo dele ser finalizado, recebeu da diretora Fernanda Vareille o convite para criar a trilha original do filme. A resposta foi um “sim” que se transformou em música da melhor qualidade! Sensível e instigante, vira praticamente uma nova personagem, sem a qual não podemos imaginar as vidas registradas ali. Nessa entrevista em vídeo, ele conta sua relação com a obra e os caminhos de inspiração para o resultado que o público confere na tela.